Desemprego volta a crescer em virtude da pandemia

O Brasil e um país bem complicado de ter um crescimento estável, sempre que começamos a melhor ou fazemos algo errado, quase sem. Ou vem uma crise internacional.

Desta vez foi o vírus Chinês que chegou a esta atrapalhando nosso crescimento mais uma vez.

Caminhávamos para um ano aparentemente excelente, previsão do PIB acima de 2.5% e tudo indicando que teríamos um saldo de contratações de trabalhadores acima de um milhão de pessoas. O que iria acelerar ainda mais a redução do desemprego e aumentar o consumo das famílias, vendas no comercio e varejo e fazer a roda girar um pouco mais rápido, preparando para que 2021 fosse ainda melhor….

Agora, em virtude da pandemia do Coronavírus todo saldo dos dois primeiros meses do ano já era. Veja dados do Caged:

Geração de empregos formais em 2020

Janeiro: + 113.155

Fevereiro: + 224.818

Março: – 240.702

Abril: – 860.503

Que Deus abençoe para que as coisas comecem a voltar ao normal agora em Junho em todas as cidades, para evitarmos um trimestre ainda pior, quando menor for o tombo, mais chances de uma recuperação um pouco mais rápido.

Visits: 673

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.