João Amoêdo deixa a presidência do Novo

Após quatro anos na presidência do Partido novo, João Amoêdo deixa a presidência da legenda, sendo substituído por Eduardo Ribeiro, eleito por unanimidade.

Apesar de apenas quatro anos na residencial, ele tem por volta de dez anos desde o inicio do projeto do Novo até se tornar um partido oficialmente. Esta mudança traz uma boa imagem ao partido na alternância de poder. (Vale lembrar que já teve algumas manifestações que citavam que o Novo tem dono). Talvez até isto possa ter acelerado esta mudança.

Amoêdo foi candidato à Presidência da República em 2018 pelo Novo. Terminou em 5º lugar, com 2,5% dos votos válidos. Agora, o fundador do partido integrará o conselho da Fundação Brasil Novo, que tem ligação com a agremiação política e é responsável por estudos e divulgação de ideais da sigla.

Em comunicado divulgado pelas redes sociais, ele frisou que é necessário “lembrar sempre o nosso objetivo primordial: melhorar de forma sustentável a qualidade de vida do maior número de pessoas, o mais rápido possível”. “Manter a coerência, a humildade e fazer o certo fazem parte do DNA do Novo”, destacou o candidato à presidência da República em 2018.

Visits: 1042

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.